7.7.10

HOJE TAMBÉM FUI AO FUTEBOL


Conheci uma pessoa que me perguntou um dia:
-Como é que tu, sendo pessoa inteligente, gostas de futebol?

Ainda hoje tenho raiva por não ter encontrado, na altura, uma resposta inteligente para uma pergunta tão estúpida. Fiquei estupidamente calado. E mais: senti uma certa culpa por gostar de futebol.

Lembrei-me desta história quando assistia ao jogo de hoje, entre a selecção da Espanha e a da Alemanha. Jogo intenso, organizado, em que cada equipa soube jogar como um todo (excepção para o Pedro espanhol, que se esqueceu...), o jeito ao serviço da inteligência colectiva. Um espectáculo que regala os olhos.

Lembrei-me também dos jogadorzecos de uma certa selecção, lestos na sarrafada e em levantar os braços ao ar perante as decisões dos árbitros. Lembrei-me sobretudo de um que afasta as pernas antes de marcar livres directos, em pose de artista e matador e que depois atira invariavelmente para a bancada superior, e que nunca foi capaz de fazer no campo as arrancadas que parece que faz quando atraca uma miúda no átrio do hotel...

Fui ao futebol e não me senti estupidamente culpado.

1 comentário:

D. Vicencia disse...

E fizeste muito bem!
E no domingo vamos torcer...por quem? Nem sei! Mas apetece-me torcer pelos holandeses pela simples razão de achar que é um povo extraordinário e de me apetecer cada vez mais ir partilhar aquele território abaixo do nível do mar e que tem tanto para dar!
Viva a laranja mecânica!
Eu só me sentiria estupidamente culpada de gostar de futebol se andasse de transistor ao ouvido e não perdesse sequer um joguinho da 5ª divisão! Agora o mundial e o europeu não ! Move o mundo, as multidões! Só tenho pena duma coisa...porque na realidade compreendo que o futebol é o desporto do mundo...tenho pena que haja jogadores a ganharem mais num dia do que eu ganho num ano e que haja tanta gente a padecer com falta de tanta coisa simples! Há países que limitam o valor dos passes dos jogadores e têm equipas que jogam maravilhosamente bem! Acho que a Holanda é assim, não tenho a certeza! Mas se não pensarmos nisso e pensarmos na sociologia da "coisa", epá, o futebol é bué da fixe! Adorava era ver tudo ao vivo! Aliás, qualquer modalidade devia ser vista ao vivo e a cores...dá uma pica do catana, tájaber?
;-)