18.9.10

"AS ABANDONADAS" - Ontem em Alpiarça


Um quadro impressionante! José Relvas queria-o no seu gabinete de trabalho. Lá o vemos, hoje ainda, a marcar aquele espaço de estudo de um aristocrata revolucionário. Na Casa dos Patudos - Museu de Alpiarça.
Jorge Custódio fez dele uma leitura pública, ontem, na Alpiagra. Mas não sei quem teve a ideia de se fazer aquela conferência em espaço aberto, no pavilhão do artesanato. Tive pena do Jorge, apesar de ele se ter defendido bem... Disseram-me, já no rescaldo, que se não fosse assim não aparecia ninguém. E lá veio a montanha a maomé!
Mais pormenores: AQUI, num blogue que descobri ontem, da autoria de um estudioso de José Relvas, e que lá esteve também, João B. Serra.

3 comentários:

Avelaneira Florida disse...

Méon,

apesar dos "apesar"...Foi muito interessante o que disse J.Custódio.
Valeu a pena!!!!!

Beijinho.

Anónimo disse...

Olá,
sou uma conterrânea sua que partilhou consigo o belo serão de sábado, no pavilhão do artesanato da Alpiagra. já algum tempo que não visitava o seu blog, porque ando "entretida" com aquelas coisas fantásticas com que o ministério da educação nos brinda, diariamente.Reconheci-o, graças à foto do blog.Falei em si à Zezita que teve muita pena de não o ver.
Um abraço

Hélia

Méon, disse...

Olá Hélia!
Obrigado pela sua visita, não sei se a conheço pessoalmente, talvez não, já saí de Alpiarça há muitos anos. Mas gosto de lá voltar.
Quem é a Zèzita? lembro-me de uma menina que viveu nas casas do nosso quintal, em Alpiarça. Será ela, agora uma mulher?
Talvez um dia possamos encontrar-nos em Alpiarça. Deixe o seu contacto, se achar bem, no meu mail: moedasduarte@gmail.com

Beijinho