14.1.08

DORNES, a bela!


Dornes (Ferreira do Zêzere), pequena povoação do alto Ribatejo, situada numa península que resultou do enchimento da barragem do Castelo do Bode, no Zêzere.

Cresceu em volta de uma torre templária que surpreende pela invulgaridade da sua forma pentagonal, um exemplar raríssimo da arquitectura militar dos tempos da Reconquista e que foi edificada para defesa da linha do Tejo por Gualdim Pais, mestre da Ordem dos Templários.




Lugar de esmagadora beleza! Preciso de lá voltar em breve...

3 comentários:

avelaneiraflorida disse...

Méon,

não tenho palavras...

DORNES!!!!

Méon disse...

Ficamos sem respiração...
Dornes, a sem par!

Hilário Godinho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.